de 2015


01/07/15

Como um museu restaura uma bela pintura de 355 anos



A pintura de Charles Le Brun, Everhard Jabach e sua família, foi concluída em 1660. Agora está pendurada no Museu de Arte Metropolitana, em Nova Iorque (EUA). Ela estava precisando de um pouco de, hum, reviver. O vídeo abaixo nos mostra como é restaurado o pedaço gigante de arte e os passos necessários para que a obra de arte volte a brilhar novamente.

Os passos foram bastante complicados e envolveu a remoção do verniz antigo, retoques na pintura, uma nova camada de verniz e inúmeras outras técnicas de conservação. É um processo complexo, mas você pode claramente ver a diferença do começo ao fim.

A restauração levou cerca de 10 meses para ser concluída e foi feita por Michael Gallagher, responsável pelo Departamento de Conservação de Pinturas do museu.


[Sploid]

https://plus.google.com/u/0/118221766791513085928/postshttps://www.facebook.com/diarioinsano.oficial
Continue lendo »

30/06/15

Conheça Weesay, cego, sem-teto e mestre do violão de lata



Wesseh Freeman, ou Weesay, se tornou uma sensação na internet em dezembro passado por suas habilidades dedilhando seu violão feito à mão a partir de um velho pau, uma lata de tinta e três cordas. Ele chamou a atenção dos irmãos Nikhil e Sachin Ramchandani, os proprietários de O! Chips, uma empresa de batata frita na Libéria. Então eles lhe pediram para escrever um jingle para a sua marca, e postaram um vídeo no canal do YouTube da empresa. O vídeo instantaneamente se tornou viral.

Weesay, 37 anos, é cego e sem-teto. Mas isso não tem afetado suas habilidades musicais. O homem é realmente talentoso, e isso é evidente pelo violão que ele mesmo inventou. De acordo com o "Guitar World", os trastes do violão são feitos com raios de bicicleta ou cabides e são móveis, permitindo a Wesseh levá-los para frente ou para trás no braço segundo a entonação. Este instrumento deveria ser completamente desafinado ... mas não é.


Depois do sucesso do vídeo, as coisas ficaram um pouco melhor para o cantor autodidata e compositor. Um admirador americano enviou-lhe uma violão Ovation. Os irmãos Ramchandani criaram uma campanha no Indiegogo para arrecadar fundos para ajudar Weesay a ter sua visão de volta e comprar-lhe uma casa. Embora eles tivessem uma meta para arrecadar cerca de 70 mil dólares, a campanha só conseguiu recolher cerca de mil dólares.

Weesay agora tem seu próprio canal no YouTube, com alguns vídeos dele tocando seu amado violão.



[Oddity Central]

https://plus.google.com/u/0/118221766791513085928/postshttps://www.facebook.com/diarioinsano.oficial
Continue lendo »

23/06/15

Vídeo stop motion hilariante de dois caras lutando karatê no chão



Em uma história tão antiga quanto o tempo, dois caras lutam pelo amor de uma menina. Só que foi remixado com hilaridade já que os dois caras lutam karatê no chão em um vídeo em stop motion épico que o torna parecido com um jogo de vídeo 2D como Street Fighter. A batalha continua e continua tão criativamente que você não pode deixar de rir.

Feito por Corridor Digital, certifique-se de vê-lo todo para desfrutar ao máximo.


[Fonte e imagem: Sploid]

https://plus.google.com/u/0/118221766791513085928/postshttps://www.facebook.com/diarioinsano.oficial
Continue lendo »

22/06/15

Conheça Baltazar Ushca, o último vendedor de gelo do Equador



Enquanto o resto do mundo fabrica seu próprio gelo em freezer ou geladeira, há alguém no planeta que realmente sobe montanhas para cortá-lo. Conheça Baltazar Ushca, o último vendedor de gelo do Equador.

Baltazar é o último sobrevivente praticante deste comércio de sua família, passado de pai para filho durante séculos. Pelo menos uma vez por semana, o homem, de 68 anos gasta cinco horas de caminhada até o Monte Chimborazo, o pico mais alto do Equador, até que ele atinja a mina de gelo que tem alimentado a ele e sua família por gerações.

Ele, então, transporta os blocos, em lombo de burro, até a cidade mais próxima de Riobamba, onde são vendidos.

Apesar de sua idade e sua baixa estatura, Baltazar consegue transportar dois blocos de gelo de cerca de 30 quilos em seus ombros. E ele está muito feliz trabalhando na montanha que ele considera ser sagrada. "Este é um trabalho de um homem", disse ele, com orgulho. "Fico feliz e Pai Chimborazo cuida de mim".


Baltazar e seu filho Juan deixam sua aldeia em torno das 7 horas da manhã. Eles fazem um parada para pegar palha para envolver o gelo. Eles carregam a palha sobre uma mula, e andam o resto do caminho. Na etapa final da caminhada, o caminho é coberto com pedras soltas, de modo que a mula precisa ser conduzida com muito cuidado.

A dupla, finalmente, chega a mina de gelo Los Hieleros em torno de meio-dia. Baltazar então começa a trabalhar, usando uma picareta para quebrar blocos de gelo da geleira. Ele esculpe o gelo em cubos, envolve-os em palha, e carrega em cima da mula novamente. Baltazar e Juan, em seguida, começam a viagem de volta para casa; eles costumam voltar às 16 horas. Todos os sábados, Baltazar viaja para o mercado de Riobamba para vender o gelo. Ele ganha cerca de 80 reais por semana vendendo gelo.

Curiosamente, o "gelo natural" de Baltazar está em alta. As pessoas afirmam que ele tem propriedades curativas, e ainda é usado para fazer sucos de frutas tradicionais e sorvetes. E desde que sua história foi coberta pela mídia, parece que sua humilde profissão se transformou em um negócio lucrativo. Ele ainda ganha um pouco de dinheiro de turistas, que lhe pagam para uma excursão guiada à mina de gelo.


Diversos cineastas internacionais também procuram Baltazar, seguindo até a montanha traiçoeira em suas caminhadas semanais. Ele até participou da estreia de um dos documentários, em Nova Iorque (EUA). O último vendedor de gelo é um documentário emocionante, de 14 minutos, dirigido e produzido por Sandy Patch, que mostra a força de um trabalhador solitário e obstinado (veja vídeo abaixo). 

Ele é uma celebridade local, especialmente no mercado de La Merced, onde ele vende gelo. As pessoas se dirigem ao redor dele pedindo para tirar fotos. O melhor momento de Baltazar, porém, foi quando se encontrou com o presidente Rafael Correa.

"Minha família tem inveja porque sou amigo do presidente Correa", o homem humilde, disse. "Eu lhes digo, basta ir e fazer o meu trabalho".


[Oddity Central]

https://plus.google.com/u/0/118221766791513085928/postshttps://www.facebook.com/diarioinsano.oficial
Continue lendo »

21/06/15

O que este homem pode fazer com alguns secadores de cabelo é incrível



Você acha que um secador de cabelo pode ser usado para se fazer algo artístico? Provavelmente não, e nós também não, até que vimos esta deliciosa exibição do mágico e prestidigitador francês Antoine Terrieux.

Terrieux configurou esta exposição cinética no Maison des Jonglages, ou Casa de Malabarismo, em La Courneuve (França), em dezembro passado. Ele usou vários secadores de cabelo e outros artigos diários para criar uma nova maneira de olhar para esculturas e desafiar a gravidade.


Você pode ver algumas performances de Terrieux em seu canal Vimeo.

https://plus.google.com/u/0/118221766791513085928/postshttps://www.facebook.com/diarioinsano.oficial
Continue lendo »

18/06/15

Após separação, homem corta bens do casal ao meio e vende no eBay



Dizem que a parte mais difícil do fim de um relacionamento é deixar suas coisas para trás. Felizmente existem muitos jeitos para se lidar com a situação. 

Um alemão chamou atenção ao oferecer 16 objetos cortados pela metade em um leilão online. Em um vídeo postado no YouTube (veja no final), o usuário Der Juli explica que se trata da "divisão de bens" após o término de 12 anos de namoro com uma mulher chamada Laura.

Na lista de objetos consta metade de uma cama, metade de um iPhone 5, metade de um carro, meio disco de vinil, meia caixa de correio, meio aparelho de DVD, meio DVD "Bullyparade", meio aparelho de telefone sem fio, meio capacete, meio sofá, meio armário, meio ursinho de pelúcia, meio aparelho de TV, metade de 4 cadeiras, meia bicicleta e meio notebook MacBook Pro.

Os bens cortados foram colocados para leilão no eBay, todos com preço inicial de apenas 1 euro e as partes do carro são as que estão mais bem avaliadas por enquanto.

No vídeo, ele manda uma breve mensagem dizendo: “Obrigado pelos lindos 12 anos, Laura! Você realmente fez por merecer a metade”. A gravação acaba com a mensagem "saudações ao meu sucessor" e já tem mais de 50 mil visualizações.







[Fotos: Acid Cow]

https://plus.google.com/u/0/118221766791513085928/postshttps://www.facebook.com/diarioinsano.oficial
Continue lendo »

Quando você ver o que sai desta banana, você nunca mais vai comer uma



Nós todos sabemos que as frutas são os principais candidatos para infestação de insetos. Seu apelo doce e açucarado é irresistível para os seres humanos e insetos similares. Mas quando nós compramos frutas no supermercado, geralmente esperamos que elas estejam livre de insetos antes de chegar às prateleiras.

Esta pessoa foi vítima de um evento de indução de pesadelo e tudo começou quando uma aranha rastejou para fora de sua moradia na fruta. Acho que eu nunca mais vou comer uma banana novamente. Eu comi duas no meu almoço, e eu estou começando a sentir algo rastejando no meu estômago.



https://plus.google.com/u/0/118221766791513085928/postshttps://www.facebook.com/diarioinsano.oficial
Continue lendo »

16/06/15

Homem passa seis anos cavando uma casa caverna na encosta de uma colina



Após seu divórcio, o chinês Xu Wenyi ansiava por um meio de escapar da realidade. Então ele partiu em um desafio épico - cavar sua própria habitação na encosta de uma colina. Foi um trabalho de quebrar as costas, mas ele manteve-o por seis longos anos, até a sua casa caverna ficar finalmente pronta.

Xu, hoje com 57 anos, tem vivido em sua caverna por mais de uma década. Localizada em uma montanha em Xiangtan County, na Província de Hunan, mede pouco mais de 30 metros de profundidade e 4 metros de largura. Na verdade, é mais como um pequeno apartamento, completo com paredes em betão armado e uma porta na frente. Os interiores são bastante limpos também. 

Xu cavou alcovas nas paredes, para usar como prateleiras para seus pertences. Ele tem um galinheiro no interior e fez um jardim de pinheiros e ciprestes do lado de fora.


Curiosamente, casas caverna são realmente muito popular em algumas partes da China, como a província de Shanxi, onde cerca de 30 milhões de pessoas vivem em casas escavadas em colinas de solo poroso amarelo. Xu admite que a caverna dá-lhe toda a paz e tranquilidade que ele precisa. Vendo pelas fotos, ele realmente parece um homem feliz!




[Oddity Central]

https://plus.google.com/u/0/118221766791513085928/postshttps://www.facebook.com/diarioinsano.oficial
Continue lendo »

Ver essa garota voar em um avião de acrobacias com seu pai é verdadeira alegria



É bom ser criança. É bom ser criança quando a vida é simples e medo não é algo que você aprendeu ainda. É divertido poder se expressar em sua forma mais alegre. É bom ser criança e ter um pai que pode levá-lo em uma viagem de avião e dobrar o mundo. Quero dizer, olhe para Lea, 4 anos de idade, ela está tendo o momento de sua vida.



[Sploid]

https://plus.google.com/u/0/118221766791513085928/postshttps://www.facebook.com/diarioinsano.oficial
Continue lendo »

12/06/15

Artista mexicano recria pinturas clássicas em borboletas reais



Depois de fazer pinturas com doces e creme dental, o artista mexicano Cristiam Ramos está agora trabalhando com borboletas preservadas. Ele passa várias horas pintando sobre cada asa, meticulosamente decorando com réplicas detalhadas de pinturas clássicas.

Asas de borboleta naturalmente não são boas telas - elas são pequenas, e a textura não é totalmente certa para a pintura. De modo que Cristiam tem que usar uma lupa para obter a complexidade e detalhes. Ele passa até 56 horas pintando cada asa, aplicando meticulosamente uma pincelada de cada vez.


Cristiam diz que foi fascinado por borboletas desde que ele era uma criança. "Desde que eu era uma criança eu estava sempre impressionado com as cores das borboletas e sua transformação, e quando fiquei mais velho, o meu fascínio por elas continuou", disse ele. As borboletas preservadas que ele usa agora foram doadas a ele por seus fãs de todo o mundo.

"Eu sou o único artista no mundo que tem feito obras de arte nas asas de borboletas, e eu já ganhei vários prêmios e um recorde mundial", disse Cristiam, cuja atenção aos detalhes é claramente fenomenal.


Para nós, o trabalho que se destaca do resto é uma borboleta com duas réplicas de Da Vinci em cada asa, a Mona Lisa e a Dama com Arminho. Apesar de trabalhar com uma pequena paleta e minúsculos pincéis, Cristiam conseguiu capturar as expressões e essência de ambas as pinturas icônicas perfeitamente.



Fotos: Cristiam Ramos/Facebook
[Oddity Central]

https://plus.google.com/u/0/118221766791513085928/postshttps://www.facebook.com/diarioinsano.oficial
Continue lendo »